Mitos e Verdades sobre as Dores nas Costas

A verdade sobre dor nas costas

A dor nas costas é extremamente comum. Na verdade, 80% das pessoas terão dores nas costas significativas em algum momento da vida. Os sintomas da dor nas costas variam de pessoa para pessoa. Eles podem ser nítidos ou opacos, duradouros ou breves. Mitos sobre dores nas costas também são comuns. Você consegue reconhecer os mitos e fatos que se seguem?

Mito: Sente-se sempre reto

Sabemos que ficar curvado nas cadeiras faz mal às costas. No entanto, sentar-se muito ereto e ainda assim pode irritar as costas.

Para o alívio da dor nas costas causada por ficar sentado por muito tempo, tente recostar-se intermitentemente na cadeira com os pés no chão com uma ligeira curva na parte inferior das costas. Além disso, fique de pé durante parte do dia, quando possível (por exemplo, ao telefone ou lendo).

Mito: não levante objetos pesados

Ao levantar peso, o mais importante é a maneira como você levanta, não apenas o peso que está levantando. Ao levantar, tente estar o mais próximo possível do objeto, agachando para fazer o levantamento. Use as pernas para levantar. Não torça seu corpo ou dobre durante o levantamento, mas tenha cuidado, não tente levantar pesos pesados além de sua capacidade.

Mito: repouso na cama é sempre melhor

O repouso na cama pode ajudar em caso de lesão ou lesão nas costas aguda. Mas não é verdade que você deva ficar na cama. Às vezes, permanecer imóvel na cama pode piorar a dor nas costas. O repouso absoluto já foi um conselho médico comum para dores nas costas. Mas os médicos de hoje são mais propensos a recomendar atividades moderadas durante a cura.

Mito: a dor é causada por lesão

Claro, se você levantar objetos pesados no trabalho rotineiramente, é mais provável que sinta dores nas costas. A postura e o peso das coisas que você carrega certamente podem causar ou exacerbar sua dor.

Mas os trabalhadores com empregos sedentários são realmente mais propensos a lesões de disco do que aqueles que são moderadamente ativos no trabalho. E até 85% das pessoas que têm dor nas costas não conseguem se lembrar de um momento específico em que ela ocorreu.

Isso sugere que muitas outras coisas têm maior probabilidade de causar dor nas costas do que lesões, como degeneração do disco, infecções e doenças hereditárias, como espondilite anquilosante.

Verdadeiro: mais quilos, mais dor

Manter a forma é útil para prevenir e aliviar a dor nas costas. A dor nas costas é mais comum em pessoas incapazes ou com excesso de peso. Aqueles que apenas se exercitam de forma intermitente (os guerreiros de fim de semana) têm maior risco de lesões nas costas.

Mito: Magro significa sem dor

Pessoas magras demais também podem correr o risco de ter dores nas costas, especialmente aquelas com distúrbios alimentares e osteoporose.

Mito: o exercício é ruim para dores nas costas

O exercício regular é muito bom para prevenir dores nas costas. Na verdade, para aqueles com lesão aguda nas costas, às vezes é recomendado um programa de exercícios leves guiados. Isso geralmente começa com exercícios suaves que aumentam gradualmente de intensidade.

Verdadeiro: Quiropraxia pode ajudar

Alguns pacientes dizem que a manipulação espinhal e a massagem podem ajudar na dor lombar, enquanto outros podem obter pouco ou nenhum alívio da dor.

Verdadeiro: a acupuntura pode aliviar a dor

A acupuntura pode ser útil para aliviar muitos tipos de dores nas costas que não respondem a outros tratamentos. Ioga, relaxamento progressivo e terapia cognitivo-comportamental também podem ser benéficos.

Mito: um colchão firme é melhor

As pessoas diferem em sua resposta à firmeza do colchão. Um estudo da Espanha mostrou que aqueles que dormiram em um colchão firme médio (classificação 5,6 em uma escala de 10 pontos difíceis) tiveram menos dor nas costas e incapacidade do que aqueles que dormiram em um colchão firme (2,3 na escala).

Mito: Discos Deslizados requerem cirurgia

A causa da dor nas costas é desconhecida mais de 70% das vezes. Mesmo quando os testes confirmam que um disco está danificado, você pode não precisar de cirurgia.

Estudos de ressonância magnética mostram que, quando uma hérnia de disco se forma (protuberâncias, rupturas ou protuberâncias), a área danificada do disco freqüentemente melhora por conta própria após o tempo.

Após seis semanas, 90% dos discos com hérnia terão melhorado gradualmente. A maioria dos especialistas recomenda o tratamento sem cirurgia como primeiro passo. Se a dor nas costas não melhorar com uma terapia mais conservadora, a cirurgia pode ser recomendada.

Uma alimentação saudável beneficia a sua saúde e retira a sua dor enquanto lhe ajuda a emagrecer, assim como detox caps faz, limpando seu organismo de toxinas e oxidantes desnecessários enquanto diminui seu peso na balança.

E o melhor de tudo isso é que não existem efeitos colaterais, justamente por se tratar de um produto 100% natural. Vale a pena conhecer!

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!